quarta-feira, 1 de julho de 2009

Aventurina: cristal para a vida

A aventurina é um cristal do grupo do quartzo, sendo algumas vezes chamado de quartzo aventurina. Em sua composição há dióxido de silício, cromo, ferro e manganês o que lhe confere as diferentes cores e tonalidades.

A aventurina pode ter uma gama enorme de tons de verde, algumas vezes com uma iridescência metálica devido a inclusão de fuchsita, como também na cor vermelha, passando pelo laranja e indo até o pardo devido a presença do ferro em sua composição.

Conhecida desde a antiguidade, para os gregos ela aumentava a coragem, o otimismo e a criatividade e até hoje em dia, essas qualidades estão associadas a ela.

Além das qualidades já citadas, também está associada à imaginação,ao sucesso profissional e à prosperidade, ajudando na percepção do potencial e nas alternativas do lado prático da vida. Com essa percepção, podemos aumentar nossas chances de crescimento profissional e pessoal o que nos leva a uma vida mais próspera. Não é sem motivo que uma das profissões ligadas a essa pedra é a profissão de banqueiro.

Desenvolve uma maior tranquilidade emocional e seu efeito calmante sobre os nervos traz alegria e otimismo, mesmo diante de possíveis adversidades da vida material.

Tradicionalmente, essa pedra também é tida como uma aliviadora de doenças psicossómáticas, ansiedade e medos, principalmente aqueles reprimidos gerados na infância.

No corpo, ela atua sobre o timo e promove o crescimento adequado durante os primeiros sete anos de vida. Também é boa para a pele e ajuda na cura de alergias cutâneas. Acalma olhos irritados e pode ser usada como complemento do banho tanto de beleza como para trazer uma sensação de bem estar.

Quando usada juntamente com a malaquita, ajuda a remover bloqueios emocionais ou mentais, trazendo-os do subconsciente para a consciência para serem finalmente libertados e superados.

Nenhum comentário: